Cientistas escolhem nomes de 4 novos elementos químicos

Cientistas escolhem nomes de 4 novos elementos químicos

Nihonium, Moscovium, Tennessine e Oganesson completam sétima fila da Tabela Periódica e foram produzidos artificialmente.

Os quatro novos elementos da Tabela Periódica foram “batizados” nesta quarta-feira (8) pela União Internacional de Química Pura e Aplicada (IUPAC). Produzidos artificialmente, eles se chamarão Nihonium (símbolo Nh e elemento 113), Moscovium (símbobo Mc e elemento 115), Tennessine (símbolo Ts e elemento 117) e Oganesson (símbolo Og e elemento 118).

Nihonium homenageia o Japão, já que é uma variação do nome do país em japonês; já o nome Moscovium lembra a região de Moscou, na Rússia; Tennessine é uma referência ao estado de Tennessee, nos Estados Unidos; e Oganesson presta homenagem ao cientista russo Yuri Oganessian.

Esses novos elementos químicos tiveram sua existência confirmada no início deste ano pela IUPAC e completam a sétima linha da Tabela Periódica.

Os novos átomos produzidos foram batizados por cientistas japoneses, americanos e russos. Para conquistar a honra de escolher o nome, os grupos de pesquisa tiveram de confirmar seus resultados repetindo experimentos. O elemento 113 foi criado três vezes pelos japoneses, entre 2004 e 2012.

Esses quatro novos elementos não existem na natureza e são criados por aceleradores de partículas que fazem elementos menores colidirem entre si e se fundir. Os átomos criados nessas condições sobrevivem por apenas algumas frações de segundo.

Segundo a IUPAC, laboratórios já trabalham em pesquisas para elementos que criarão a 8ª linha da tabela periódica.

Cientistas escolhem nomes de 4 novos elementos químicos

Nihonium, Moscovium, Tennessine e Oganesson completam sétima fila da Tabela Periódica e foram produzidos artificialmente.

 

Esta entrada foi publicada em Atualidades, Notícias, Química. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta